Origem dos fatos

Lá estava eu no metro de S. Paulo mais uma vez. Meio dia e meio, movimento regular no vagão, transeuntes sem muita pressa, clima ameno, país se afundando e nós colhendo nada mais do que plantamos. O povo reclama da corrupção de seus representantes, mas esquecem que compactuam com a mesma diariamente, quisá todas as horas. A maioria deve estar pensando: magina! Eu não sou corrupto não. Trabalho honestamente e pago minhas contas! Meus parabéns nobre trabalhador fascista. Mas me diga, onde você compra CDS de música? Filmes? água ou doce nos transportes públicos? Como consegue o Windows para o seu computador? Com certeza não é a versão original licenciada que custa quase duzentos reais, não é mesmo? Mas é claro que você, corrupto de baixa escala, deve pensar: ah! Mas isso não tem nada a ver, são produtos baratos, todo mundo faz! Não tiro sua razão, boa parte da sociedade se utiliza desses meios ilícitos, mas que são ilegais, ou você nunca viu ou ouviu esses vendedores terem suas mercadorias apreendidas? E então surge a brilhante ideia de defesa desse indivíduo que vende de forma ilegal: ahhhh não! Agora pegou pesado, ele é trabalhador! Não está matando e nem roubando! Não está roubando? Vamos lá: suponho que você tenha talento e vocação para cantar, e investe neste seu sonho, acaba lançando um cd! Olha que maravilhoso! Mas seria uma pena se quando você começasse a estourar indústrias ilegais produzirem cópias do seu CD para venderem em todos os lugares. E se acha que o dinheiro vai pra você? Ta enganado. A pirataria que diminuirá o seu retorno financeiro pode aumentar a sua popularização, então é questão reflexão e escolha. Quer toda a barganha do seu trabalho suado ou se alastrar por aí, sem receber tudo o que deveria?

Tem crimes que com o tempo acabamos aceitando como atividade comum, sem mal algum, com aquele outro discurso: ah!!! Mas o cantor nem vai sentir diferença com a pirataria. Falar da realidade dos outros é facinho neguinho, quero ver quando ela for a tua!

A vida tradicional e comum seguindo o sistema é a mais desejada. Caso você não estiver dentro desses requisitos, com certeza será mal visto. A corrupção acontece também no modo em que vemos o que é errado ou certo. Não se tem uma verdade absoluta que reja as pessoas, mas, julgá-la por sua orientação sexual e etnia já se tornou arcaico. Conseguimos perceber que independente da maneira em que cada um vive sua vida e faz suas escolhas, ele continua sendo igual ao teu próximo, com dois braços, duas pernas, dez dedos, dois olhos, um nariz e uma boca e por mais que falte algo que eu citei, ainda é tão igual quanto. Somos todos humanos e não Maju ou marilu. Enquanto a segregação de “manifesto” estiver focada nos que menos precisam de vozes, aqueles que sofrem na pele de verdade estarão sofrendo a mesma opressão de sempre. Ver na TV que a popstar do telejornal está sendo apoiada e protegida dos “casos de racismo” que ela sofre enquanto os holofotes iluminam teu rosto e aumentam cada vez mais sua fama e salário, não vai salvar o negro que morre sem nem ter a chance de saber o porque. Os problemas do mundo não são apenas aqueles discutidos na internet. Essa vida virtual que os novos juízes formados pelo facebook levam não tem fundamento realístico algum. Desligar o seu celular ou computador e pensar que os problemas do mundo acabaram ou minimizaram só porque você não está tendo acesso a eles não torna sua vida mais feliz. Os problemas sempre continuaram lá e vestir o uniforme de julgador e disseminar o seu ódio junto de outros juízes não irá te coroar ou resolver os conflitos, nada disso tem sentido, só retrocedemos.

Colocar a mão na massa e se aprofundar em uma causa é raridade hoje em dia e estamos numa camada tão supérflua de tudo o que defendemos ou seguimos que chegará o momento que nem saberemos mais os nossos nomes ou de onde viemos, se isso já não acontece nos dias de hoje.

  Compra no boleto e paga na lotérica
   Baixa aí que é de graça

amazon-iconsaraiva icone clube icone google play  icone agbook

      twitter 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s